Sessão de Hipnose Ericksoniana

A Essência de Milton Erickson

Uma terapia orientada ao desenvolvimento do cliente utilizando-se dos recursos encontrados no próprio cliente.

Erickson acreditava que as pessoas tinham as respostas para os próprios problemas internos e também para os que se apresentam em suas situações sociais de vida.

É um estado alternativo de consciência ampliada, onde o sujeito permanece acordado todo o tempo, experimentando sensações, sentimentos, talvez tendo imagens, regressões, anestesia, analgesias e outros fenômenos hipnóticos enquanto está neste estado.

A Hipnose Ericksoniana é um método adaptado à personalidade dos indivíduos, respeitando as reações individuais nas situações de transe hipnótico. Nessa perspectiva, a técnica considera o paciente como principal responsável por reverter seus próprios conflitos internos. Para isso, faz com que ele entre em contato com os recursos disponíveis em seu inconsciente. O papel do hipnoterapeuta, portanto, é apenas orientá¬lo nessa autoavaliação.

COMO FUNCIONA
A Hipnose Ericksoniana procura conhecer a linguagem de cada paciente e sintonizar¬se a ela para acessar o seu inconsciente. Como respeita os valores, crenças e padrões individuais, consegue atuar sem causar possíveis resistências que impeçam uma avaliação aprofundada.

Com isso, permite que o próprio sujeito entre em estado de atenção voltado para si mesmo, obtendo o autoconhecimento necessário na busca pelas respostas que solucionem seus conflitos. Por meio das próprias vivências individuais, é possível elaborar estratégias de orientação e modificação mais assertivas, porque são especificamente voltadas para aquele sujeito. Dessa forma, a hipnose Ericksoniana é eficaz no tratamento de problemas diversos, como ansiedade, medos, angústias, depressão, entre outros.

Na Hipnose Ericksoniana, o terapeuta apenas coloca o paciente em contato com os recursos que ele mesmo dispõe em seu inconsciente, de modo que comece a desenvolver um conhecimento sobre si mesmo capaz de melhorar o que está atrapalhando a sua vida. Assim, a técnica pode promover intervenções que resultem em mudanças no comportamento do paciente.

CRIADOR
A Hipnose Ericksoriana foi desenvolvida pelo psiquiatra estadunidense Milton Hyland Erickson (1901¬1980), considerado o pai da hipnose moderna. Ele era conhecido por sua capacidade de conseguir induzir o transe hipnótico qualquer pessoa utilizando apenas sua voz e poucos gestos. No entanto, não tinha uma técnica padronizada.

Erickson interessou¬se pela área de hipnose logo ao concluir a sua formação em psiquiatria e psicologia, em 1929. Para ele, os métodos de tratamento utilizados até então por essas áreas eram pouco eficientes.

Fundador e presidente da Sociedade Americana de Hipnose Clínica (American Society of Clinical Hypnosis), Erickson defendia que a mente inconsciente é mais criativa e possui maior capacidade de gerar soluções positivas para os conflitos e problemas. Afirmava, ainda, que todos os processos de aprendizagem e mudanças comportamentais são inconscientes e, para serem potencializados ou modificados, devem ser trabalhados nesse nível da mente.

HIPNOSE ERICKSONIANA X HIPNOSE TRADICIONAL
A Hipnose Tradicional faz uso de sugestões diretas, utilizando uma linguagem de comandos para acessar o cliente — “Faça isso” ou “Diga aquilo”, por exemplo. Nessa abordagem, o especialista conduz as sessões de acordo com sua própria avaliação, sem a participação ou intervenção do paciente.

A Hipnose Ericksoniana, por sua vez, faz uso de sugestões indiretas para acessar a chamada Mente Inconsciente, local em que as mudanças de comportamento realmente acontecem.

Metáforas e histórias são muito utilizadas nesse processo, realizado em um sistema de cocriação que busca a participação e respeita as necessidades individuais de cada cliente. O hipnoterapeuta atua somente observando o paciente e seguindo¬o, para que ele não desvie do caminho em que conseguirá as respostas para seus conflitos.

Como essa abordagem evita qualquer tipo de indução e dá mais liberdade ao paciente, não corre o risco de que sugestões dadas pelo hipnoterapeuta atrapalhem o aprofundamento da análise.

Ao contrário do que acontece no procedimento tradicional, em que a atuação do profissional pode se chocar com os medos e valores do indivíduos, podendo atrapalhar o estado de transe. Essa é uma das principais vantagens da Hipnose Ericksoniana.

No que se refere à prática do transe, a Hipnose Ericksona atua deixando o paciente escolher as ações, utilizando para isso palavras de permissão ou hipótese. Por exemplo, em vez de dizer “você está em um lugar relaxante”, usa¬se “você pode estar em um lugar relaxante”. Tudo isso para que o paciente não se sinta pressionado e não haja resistência que atrapalhe o sucesso da avaliação.

O profissional também considera as pistas não ¬verbais, como posturas corporais, expressões faciais, entre outros detalhes, para conduzir o transe de acordo com as reações do cliente. Essa técnica é chamada de Acompanhamento e Espelhamento.

A hipnose Ericksoniana, tem esse nome porque foi concebida e desenvolvida pelo psiquiatra Dr. Milton H. Erickson. É uma técnica muito utilizada pelos praticantes de PNL – Programação Neurolinguística.

Os processos hipnóticos geralmente se estabelecem por indução de um profissional de saúde que fará sugestões para conseguir mudanças em percepções, pensamentos e crenças sobre determinados assuntos. Existem várias formas de fazer uma pessoa entrar em um transe hipnótico a partir de técnicas de relaxamento e também variações de frases que farão a pessoa ser transportada até um ambiente agradável para obter esse relaxamento.

Em todos os processos de hipnose, via de regra, é preciso que haja um condutor do procedimento, fazendo-se pensar que é impossível atingir esses estágios mentais sem a ajuda de outra pessoa, o hipnoterapeuta Milton Erickson trouxe uma nova forma de conseguir esse transe, onde existe uma interação completa entre paciente e terapeuta.

Fundamentos da hipnoterapia Ericksoniana
A principal diferença entre o método de condução à hipnose de Erickson e o clássico reside em trabalhar “junto” com o paciente. Ou seja, parte do princípio que o paciente já possui dentro dele tudo que é necessário para ser curado ou descobrir os processos que estão causando determinado problema.

Com os métodos de hipnose clássica é feito quase que uma coação para o paciente assumir que está melhorando e depois curado, quando na realidade ainda não sente-se verdadeiramente dessa forma. Segundo Erickson é preciso informar o inconsciente de forma inconsciente ou a informação que for induzida encontrará resistência e não terá resultados satisfatórios.

A hipnose Ericksoniana baseia-se em que o hipnotizador é que tem que seguir a metáfora do paciente, servindo para ela como um guia, pois a capacidade de resolver o problema já está dentro do paciente. A mente dele contém a solução de todas suas dores e recalques, não existe um ponto externo de discórdia. Fazer com que se assuma essa responsabilidade é a primeira parte para começar o processo de cura desse paciente.

A melhor forma de alcançar sucesso em um tratamento hipnótico pelos moldes de Erickson é promover algum tipo de mudança e dar vazão a que ela se espalhe e se firme. Sempre é possível exercer algum tipo de mudança em qualquer processo, pessoal ou profissional. Fazendo essa implantação de algo novo é possível extirpar definitivamente o velho que causa problema e dor.

O terapeuta partia do princípio que todo problema tem solução, o que cabe a cada um é achar a melhor forma de resolver os entraves apresentados pela mente humana. Às vezes as pessoas deixam de tentar solucionar as coisas à primeira tentativa frustrada. Segundo Erickson é preciso tentar alguma coisa até funcionar. A frase “toda fechadura tem sua chave” é atribuída a ele.

Partindo do princípio que cada pessoa pode curar a si mesma, Erickson proporciona aos terapeutas e, principalmente, às pessoas uma liberdade maior nos processo de hipnose, já que agora o hipnotizador deve trabalhar junto com o paciente, unindo forças para o bem comum, que é o de resolver o que está afligindo a pessoa.

Telefone: (11) 9714 70675
Email: welintonserdeira@hotmail.com
Endereço: Rua Padre Machado, 95 Vila Mariana